Diretoria de Bem Estar Animal

06/08/2019 - Bem-estar Animal
De atendimento a denúncias de maus-tratos à castração: DIBEA oferece cuidados a animais de Florianópolis
Importante órgão no combate aos maus-tratos contra animais, a Diretoria de Bem-Estar Animal da Prefeitura de Florianópolis oferece castração e serviços veterinários a animais de famílias de baixa renda

foto/divulgação: Divulgação/PMF

De atendimento a denúncias de maus-tratos à castração: DIBEA oferece cuidados a animais de Florianópolis

Ter um animal de estimação é uma decisão que deve ser tomada com responsabilidade, levando-se em conta a rotina da família, as condições financeiras para a manutenção da saúde desse animal e os planos para o futuro, pois é preciso considerar que, quando bem cuidados, cães e gatos vivem entre 15 e 20 anos.

 

Escolhas feitas por impulso, como os animais comprados para presentear crianças, ou por modismos – é comum haver maior busca de cachorros de determinada raça depois que alguém famoso aparece com seu animalzinho na TV ou nas redes sociais – muitas vezes resultam em abandono alguns anos depois.

 

 Por isso, a Diretoria de Bem-Estar Animal (DIBEA) de Florianópolis tem pautado suas ações na questão da responsabilidade: seja na escolha, incentivando a adoção e não a compra, seja nos cuidados, como castrar ainda no primeiro ano de vida do animal ou tão logo ele chegue à sua tutela.

 

A DIBEA foi criada em 2005 com o principal objetivo de controle populacional de animais por meio da castração. Antes disso, o procedimento-padrão não somente em Florianópolis como em todo o país era recolher os animais de rua – com a temida “carrocinha” –, levá-los a um canil onde ficavam por até sete dias. Se seus tutores não aparecessem nesse período, os animais eram sacrificados.

Felizmente, esse extermínio ficou no passado e, atualmente, os animais recolhidos pela DIBEA passam por avaliação médica, são vacinados e desverminados e recebem todos os cuidados necessários à saúde e ao bem-estar até que estejam aptos a serem colocados para a adoção.

 

— Ao longo da nossa gestão, a Prefeitura de Florianópolis tem realizado uma série de ações junto à DIBEA, sancionado e regulamentado leis, no intuito de garantir o combate aos maus-tratos, abandonos e melhores condições para animais em situação de rua — afirma o prefeito Gean Loureiro.

 

Leia a matéria completa: https://g1.globo.com/sc/santa-catarina/especial-publicitario/prefeitura-municipal-de-florianopolis/florianopolis-uma-cidade-para-todos/noticia/2019/08/05/de-atendimento-a-denuncias-de-maus-tratos-a-castracao-servicos-da-dibea-oferecem-cuidados-a-animais-de-florianopolis.ghtml